Previsão Bitcoin? São mais 100 páginas de análise para prever o futuro do btc

São mais de 100 páginas com TODAS as principais notícias de 2018 para te explicar: Qual a previsão para o Bitcoin? O Bitcoin vai subir em 2019?

Porque o preço do Bitcoin está caindo?

CONTEÚDO BLOQUEADO

SOMENTE PARA MEMBROS - Seja um membro do nosso site, GRATUITAMENTE e garanta o acesso à todos os conteúdos!

Semana passada, o Bitcoin renovou fundo para o ano de 2018, encontrando novo preço mínimo desde outubro de 2017.

Na terça-feira, dia 20 de novembro, caiu ainda mais!

A criptomoeda que chegou a alturas estonteantes em 2017 perdeu valor de mercado encontrando uma nova mínima para 2018:

  • US$ 4.387 (£ 3.432) (R$ 17.200)

As perdas totais para a semana chegaram a quase 30%.

O Bitcoin desfrutou de um período de estabilidade em setembro e outubro deste ano (2018, oscilando de forma constante na faixa de US $ 6.000 a US $ 7.000. Dá para ter uma previsão do Bitcoin?

O caos começou lá em cima…

  1. Após perder uma lateralização de quase 6 meses, onde o bitcoin fracassou em ganhar os US $ 7.000 depois de várias tentativas.
  2. Tudo começou em 14 de Novembro de 2018, com a perda do suporte em 6k U$D, rompendo com força e volume.
  3. Daí, a crise agravou-se com a perda de outro suporte importante, traçado com base em pontos lá de novembro de 2017, próximo a US $ 5.600 (£ 4.733).
  4. Mais um rompimento para baixo, com força e volume. Investidores institucionais estariam apostando contra o Bitcoin?
  5. O Bitcoin então encontrou fundo (até o momento), na região de mais um suporte importante: US $ 4.200. O toque nesta faixa de preço registrou o menor valor para o BTC desde outubro de 2017.

O que está acontecendo com o Bitcoin?
O que está acontecendo com o Bitcoin?

Notícias ruins derrubam o preço do Bitcoin em 2018:

a) A notícia contrasta com as previsões dos entusiastas do Bitcoin, Tom Lee, da Fundstrat Global Advisors, sobre o potencial do criptomercado atingir um impressionante recorde antes do final do ano.

Em entrevista à CNBC, Lee afirma que o Bitcoin pode atingir um valor de US $ 15.000 dólares no final do ano, reduzindo sua previsão original em US $ 10.000.

“Há alguns fatores que podem levar a um aumento de preço”,

Disse Lee, sem detalhar o que eram tais fatores…

“Mas esses últimos dias definitivamente têm sido negativos, estamos falando de quebrar as quedas sucessivas no preço.”

  1. b) Sabe-se que o Hard Fork do Bitcoin Cash desempenhou fator crucial para a queda inicial na semana passada.

A criptomoeda já nascida de um hard fork do próprio Bitcoin em agosto de 2017, foi novamente bifurcada na quinta-feira, dividindo-o em dois blocos separados.

Hard forks acontecem quando a maioria da comunidade mineradora associada a determinada criptomoeda é a favor da divisão.

No caso do primeiro fork do Bitcoin, desenvolvedores queriam aumentar o limite de tamanho do bloco, assim teoricamente, permitindo transações mais rápidas no blockchain novo e atualizado.

“É seguro dizer que o próximo fork do bitcoin provoca incerteza entre investidores e  analistas de todos os mercados tradicionais e de criptografia, contrariando previsões a longo prazo”, disse Donald Bullers, representante norte-americano da Elastos.

c) Após um período de estabilidade nos últimos meses, onde oscilava entre US $ 7.000 e US $ 6.000, a maior criptomoeda do mundo atingiu seu ponto mais baixo desde outubro de 2017, estabilizando-se em US $ 5.322 na noite de quarta-feira, dia 21 de novembro.

Gráfico diário do Bitcoin - Trading View
Gráfico diário do Bitcoin – Trading View

Motivos para a queda de preço do Bitcoin – O que está acontecendo com o Bitcoin:

2017 assistiu uma demanda sem precedentes para o Bitcoin, vendo o aumento da moeda de US $ 1.000 para quase US $ 20.000 em um ano. No entanto, como a maioria das tendências, parece que a hype chegou ao fim, agora a queda de 60% para 2018.

FUD

O exposto acima, somado ao velho conhecido, FUD (Fear, Uncertainty and Doubt – Medo, Incerteza e Dúvida) levaram a derrocada das cotações.

Tratando-se de criptomoedas, um mercado relativamente novo, não podemos inferir que há grande quantidade de investidores profissionais ou sequer preparados atuando no mercado.

Por isso, em qualquer sinal de fumaça, todos ligam o alerta vermelho e abandonam o navio.

O visto no penúltimo mês de 2018 no Bitcoin é um case perfeito para resumir FUD.

Dimensão e consequências das perdas no market cap do Bitcoin – O Bitcoin vai subir?

Cada uma das 100 maiores criptomoedas do mundo foi atingida pelo crash dos preços do Bitcoin.

A maioria das moedas sentiu retrações de cerca de 20% em um único dia.

Quais as maiores moedas digitais?
Quais as maiores moedas digitais?

A causa da queda geral não é 100% clara, nenhum grande alerta, ou big news foi reportada.

Nossa especulação encontra um fato: O anúncio do Goldman Sachs de que descartou planos de lançar uma plataforma de negociação de criptomoedas.

Foi observado um grande sell-off ANTES do anúncio, levando a especulação no Twitter que alguns investidores detinham informação privilegiada da decisão.

Bitcoin é bolha?
Bitcoin é bolha?

Tradução:

CryptoBitcoinChris

@CryptoBTC_Chris

Dois dias atrás, um trader desconhecido vendeu 10 mil BTCs a 74 milhões de dólares.

O timing parece perfeito demais para ser coincidência. Fica parecendo até que o investidor tinha informações privilegiadas, seja da decisão da #GoldmanSachs ou algo ainda a ser revelado. #crypto

Esta venda gigantesca derreteu o valor do Bitcoin no mercado.

  • O Bitcoin sozinho perdeu pouco mais de US $ 9 bilhões em 60 minutos de negociação.
  • Ether, Bitcoin Cash, Monero e Litecoin, perderam algo próximo a 18%.

É mais um duro golpe para um mercado que se esforçou para recuperar paulatinamente parte de outro grande crash em janeiro 18, onde várias criptos perderam metade do seu valor.

Desde aquela época, o mercado viu quedas similares, embora menos dramáticas, mantendo o preço do Bitcoin entre US $ 5.000 e US $ 7.000 – ainda que muito distante das máximas de dezembro de 2017, o Bitcoin parecia encontrar algo que sempre buscou:

  • Estabilidade

Os evangelistas do Bitcoin comemoraram essa estabilidade relativa das moedas ao longo dos últimos meses.

Por outro lado, a perda de valor do bitcoin torna o investimento mais acessível. (eu sei que você pode comprar frações… mas o grande público prefere ter 100 de algo, que 0,0001)

Os altos preços tornavam o daytrade também mais arriscado. A alavancagem é muito alta…

Torcemos para que a queda nos preços, traga ao menos mais liquidez e negócios.

Notícias de 2018 para o Bitcoins – Bitcoin é queda livre?:

Proponho ao leitor que venha comigo por uma linha do tempo reversa, desvendar os motivos da queda do bitcoin em 2018:

– 24/11/2018: Bitcoin perde os US $ 4.200 e acende alerta vermelho

Mais uma perda de suporte ligou o alerta para holders de BTC. No sábado, dia 24 de novembro, o bitcoin perdeu um suporte importante, em 4.200 dólares, chegando ao fundo do movimento em 3.600 dólares.

É, até então, a menor cotação desde Setembro de 2017.

O FUD é apontado como maior causador do rompimento. Holders começam a ligar o sinal de alerta, com algumas fake news sendo disseminadas, como a de que mineradores chineses estariam se desfazendo de seu maquinário de mineração, jogando-os a rua.

Na verdade trata-se de maquinário antigo, já obsoleto.

Fato é que neste movimento de FUD, qualquer sinal de fumaça significa fogo.

Porque o preço do Bitcoin está caindo?
Porque o preço do Bitcoin está caindo?

– 23/11/2018: Fake news disseminada. Mineradores jogando fora o maquinário, por prejuízos? Bitcoin despenca!

Minerar bitcoin dá dinheiro?
Minerar bitcoin dá dinheiro?

A imagem acima foi disseminada na internet, alegando que mineradores chineses já desfaziam-se de seus equipamentos, pois a atividade mineradora não era mais viável.

Com uma análise rápida concluímos tratar-se de Fake news. Maliosa? Talvez…

A propagação da imagem se aproveita do intenso momento de FUD no criptoativo. A imagem, retirada de um vídeo, é real… porém, as mineradoras empilhadas na foto são modelo Canaan Avalon 471 de 7,3 TH/s.

Trata-se de uma tecnologia de 16nm, lançada em Jun/2017.

Hoje em dia, esta tecnologia, acumula anualmente prejuízos de U$D 298.

Para efeito de comparação, a S9 de 13Th da Bitmain com o mesmo chip de 16nm gera lucro de U$D 567 a.a.

– 15/11/2018: Bitcoin cai a menor valor em um ano – O que está acontecendo com o Bitcoin em 2018?

O preço do Bitcoin caiu abaixo de US $ 5.600 (£ 4.377) pela primeira vez em mais de um ano, o que equivale a uma queda de 10% em seu valor total no momento.

Especialistas sugerem que a queda era esperada e que uma bifurcação do Bitcoin Cash, esperada na quinta-feira, criou incerteza generalizada em todo o mercado.

Isso ecoa a própria criação do Bitcoin Cash quando se separou do Bitcoin em julho de 2017.

Após a queda do Bitcoin, outras moedas digitais líderes, incluindo Ethereum, Litecoin e Ripple, também tiveram quedas de cerca de 17%.

“É seguro dizer que o próximo bifurcação do bitcoin está provocando incerteza entre os investidores, e os analistas de todos os mercados tradicionais e de criptografia previram um prolongado mercado em direção a 2019”, disse Donald Bullers, representante norte-americano da Elastos. um email para o The Independent.

– 19/09/2018: Membros Parlamentares imploram ao governo: É preciso domar o “Wild West Digital”do Bitcoin.

Os parlamentares do Reino Unido pediram que o governo interfira no que está sendo descrito como um “Velho Oeste Digital”.

Com pedidos de regulamentação, por parte dos parlamentares, alegando a intervenção beneficiar e proteger usuários do criptosistema.

Em fevereiro, o Comitê do Tesouro anunciou que lançaria uma investigação sobre os riscos de criptomoedas para os investidores e a economia do Reino Unido, em uma tentativa de “escrutinar a resposta regulatória” das autoridades.

A atual abordagem do governo aos regulamentos tem sido criticada por ser muito ambígua e insustentável a longo prazo.

Usuários assíduos defendem que a regulação significa a morte do Bitcoin na Inglaterra.

A regulação vai contra o preceito básico de qualquer moeda digital.

Valor descentralizado e livre!

Previsão Bitcoin 2019

– 06/09/2018: Bilhões perdidos em valor de mercado no Bitcoin em menos de uma hora – Bitcoin em queda livre!

O preço do Bitcoin caiu mais de US $ 500 no espaço de uma hora na manhã do dia 06 de setembro, durante uma repentina queda no mercado, que colocou todas as principais criptomoedas no vermelho.

– 23/08/2018: Após um declínio no valor do Bitcoin, finalmente começa a reação, depois que traders aproveitaram a manutenção da programação da plataforma rival BitMEX – Bitcoin reage! O que esperar para 0 Bitcoin em 2019?

Quando a BitMex, uma das maiores exchanges de criptomoedas saiu do ar, graças a ataques hackers, o preço do Bitcoin, que vinha de abrupta queda, subiu!

BitMEX em manutenção?

Quando a manutenção na plataforma BitMEX foi concluída, alguns usuários disseram que ainda estavam lutando para acessar o serviço, permitindo que o Bitcoin continuasse se estabilizando (embora tenha atingido a alta de US $ 6.858,61 antes de cair novamente ligeiramente).

A empresa revelou mais tarde que isso ocorreu devido a um ataque DDoS, embora pareça que o sistema esteja funcionando novamente.

Ironicamente, outras moedas digitais também aumentaram quando a BitMEX caiu, embora não na mesma medida que o Bitcoin.

Por exemplo, Ethereum subiu 1,72% para negociação a $ 298,91, Ripple subiu 8,61% e o valor de Litecoin subiu 1,59%, para atingir $ 57,83.

Preço do bitcoin em 2019
Preço do bitcoin em 2019

– 07/08/2018: O valor do Bitcoin caiu abaixo de US $ 7.000 pela primeira vez, após uma queda de 19 dias – com outras criptomoedas seguindo o mesmo caminho – Será o fim do Bitcoin?

Foi a primeira vez desde julho de 2018 que o valor do Bitcoin perdeu os US $ 7.000, o que se seguiu: fluxo constante de declínio no ano, chegando, hoje em – 60%.

  • Nas últimas duas semanas, a criptomoeda caiu 17% e em apenas três dias perdeu 48,76% de seu valor.

Uma das razões pelas quais o Bitcoin pode ter caído tão repentinamente é a notícia de que a Starbucks deve se unir à Intercontinental Exchange para trazer ao comércio tradicional uma nova moeda digital.

Isso é bastante preocupante para o Bitcoin, como moeda de troca.

O que está acontecendo com o bitcoin?
O que está acontecendo com o bitcoin?

“Se você realmente quiser comprar algo, a nova moeda permitirá que o cliente converta imediatamente seus valores em bens e serviços.”, disse Ryan Taylor, diretor executivo da Dash Core, à Bloomberg. Ele esclarece que: “Não está especulando sobre criptomoedas e o fim do dinheiro tradicional, vamos continuar aceitando dólares, como sempre fizemos. “

Porque essa notícia cai como uma bomba para o bitcoin?

Além de expor o fracasso do bitcoin, como principal criptomoeda, em suprir a necessidade básica de qualquer valor monetário… a troca de valores, essa declaração traz a tona a vontade de grandes players do mercado tradicional em inundar o criptomercado.

Esses grandes e tradicionais players, gozam de muito dinheiro e prestígio,

Essa tendência mostra a real natureza volátil das moedas digitais.

Na verdade, não é apenas o Bitcoin que sofre perdas também. No momento da escrita, Ethereum caiu 1,48%, XRP em 5,23% e Litecoin caiu 3,37%.

– 24/07/2018: Polícia da cidade de Londres recebe treinamento em criptomoedas – Fraude no Bitcoin.

A cidade de Londres treina policiais para agir no criptouniverso.

Autoridades em criptografia treinam e atualizam policiais para entender criptomoedas, à medida que mais criminosos a utilizam como método de fraude e lavagem de dinheiro.

O novo curso de um dia, chamado Criptomoedas para Investigadores, é o primeiro desse tipo no Reino Unido e será ministrado pela Economic Crime Academy (ECA).

“Nos últimos anos, o mercado de criptomoedas cresceu consideravelmente, com mais e mais pessoas usando-o e investindo seu dinheiro”, disse Mike Betts, chefe de habilidades e desenvolvimento da ECA.

A popularidade também deu origem a mais fraudes nesta área, com criminosos identificando criptomoedas como uma nova maneira de roubar e lavar dinheiro.

“Oficiais que concluírem com sucesso o curso serão capazes de entender como detectar, apreender e investigar o uso de criptomoedas e será capaz de explicar as oportunidades de investigação disponíveis para recuperar e rastreá-las.”

O curso também cobre o uso criminoso de criptomoedas e a estrutura legal relevante para a investigação de moeda digital.

Até agora, o TCE fez um curso piloto bem-sucedido para os policiais da cidade de Londres, com outro curso já agendado em agosto para um parceiro regulador.

Espera-se que o curso seja lançado nacionalmente no outono.

“A Academia de Crimes Econômicos continua desenvolvendo cursos nacionais e internacionais em resposta a ameaças emergentes e este novo curso fornecerá treinamento para combater os riscos crescentes que as criptocorrências representam”, disse Betts.

O Bitcoin e outras criptomoedas são usadas por criminosos que valorizam a falta de transparência em torno de transações, bem como a dificuldade de rastrear fluxos de dinheiro.

Um incidente recente viu a Coinsecure, uma bolsa indiana de Bitcoin, atingida por um devastador roubo de criptomoeda em abril, onde os ladrões fugiram com US $ 3,3 milhões em moedas digitais.

A empresa publicou um anúncio em sua homepage em abril dizendo aos usuários que seus sistemas haviam sido violados e que os atacantes haviam roubado cerca de 438 bitcoins (US $ 3,3 milhões)

Observa-se uma clara preocupação do setor privado com a segurança dos usuários de criptomoedas.

É óbvio, e não somos ingênuos de pensar o contrário, que a preocupação com o s usuários não é maior que a preocupação com os valores sonegados por lavagem de dinheiro e fuga de impostos.

Neste tocante, autoridades tentam encontrar alguma forma de aprimorar sua inteligência nos meios digitais para evitar perdas.

Como dito no início, a impossibilidade de regulação do criptomercado, leva as autoridades a buscarem novos meios de não serem prejudicados – Uma das maneiras é a constante vigilância.

Não sejamos desonestos… Grande parte do volume diário de negociações em criptomoedas advém de transações ilícitas. Com a constante vigilância das autoridades, infratores tendem a buscar outros meios, e assim, retiram seu fluxo de capital (considerável) do criptomercado.

Óbvio que não há números ou dados sobre o dito acima, por isso, mantenho a título de hipótese, há quem discorde?

Preço do bitcoin em 2020

– 18/07/2018: O valor do Bitcoin está acima de US $ 7.000 – O Bitcoin vai subir?

O Bitcoin ganhou a faixa dos US $ 7.000 ontem, numa das maiores altas da criptomoeda em mais de um ano.

Abaixo de US $ 10.000 desde março, depois de chegar a US $ 20.000 por unidade no final de 2017, graças a uma combinação de ações regulatórias e advertências, é difícil apontar o motivo exato deste repentino aumento de Julho…

Notícias regulatórias positivas no mercado de moedas digitais a época, como a do chefe da Goldman Sachs, David Solomon, dizendo que o banco queria adicionar mais serviços em moeda digital ao tradicional banco de investimentos.

Durante a reunião na Forbes, Oliver Isaacs, investidor e conselheiro da blockchain, apontou para os desenvolvimentos positivos e o impacto que tiveram os criptomercados:

“Acho que estamos começando a ver uma forte mudança positiva no sentimento”, disse ele.

“Grandes notícias positivas recentes incluem o exame da CFA acrescentando tópicos de blockchain ao seu currículo, uma medida que certamente trará conhecimento amplo e exposição de ativos digitais a Wall Street.”

Além disso, a Coinbase, que é a maior exchange do mundo, acabava obter autorização legal para listar títulos, representando um progresso significativo em sua oferta para operar como um corretor de criptoativos oficialmente regulamentado “.

Big players sinalizando boas intenções e até parcerias com o criptomercado são as melhores notícias possíveis para o Bitcoin.

– 29/06/2018: Bitcoin cai para o preço mais baixo em oito meses, desfazendo oficialmente todos os ganhos que obteve durante a sua subida sem precedentes no final de 2017.

Na semana de 25 a 29 de junho de 2018, criptomoeda caiu para menos de US $ 5.800, um preço não visto desde o início de novembro.

A maior criptomoeda do mundo ganhou manchete na grande mídia por seu aumento dramático de valor em 2017.

O Bitcoin valorizou-se de aproximados US $ 1.000 no início de 2017, para quase US $ 20.000 em dezembro.

Notícia Infomoney - Preço do Bitcoin dispara e se aproxima de topo histórico
Notícia Infomoney – Preço do Bitcoin dispara e se aproxima de topo histórico

A hype do btc criou um zumbido de interesse entre os investidores de curto prazo, famosos especuladores, à procura de um retorno rápido, apesar das advertências das instituições financeiras de que a volatilidade da moeda quase certamente resultaria em perdas em massa.

A súbita queda de mercado entre janeiro e fevereiro de 2018, que viu quase US $ 8.000 varridos da moeda, pegou os especuladores de calça curta… Não vamos falar que avisamos.

Em junho, os esforços regulatórios se intensificaram. O mercado sofreu uma pressão crescente de órgãos reguladores que buscam proteger os investidores de uma indústria volátil , enquanto uma série de violações às negociações de criptovalores minaram a confiança de que os investimentos permanecerão seguros.

– 28/06/2018: O Facebook reverte a proibição de anúncios envolvendo critpomoedas – Facebook e o Bitcoin -A reversão fake!

Facebook reverte sua decisão, de fevereiro de 2018, sobre a proibição de anúncios de criptomoedas e moedas digitais.

A rede social que em fevereiro havia proibido a veículação de anúncios de moedas digitais, devido ao altíssimo número de fraldes e golpes no meio, reverte o tema e libera novamente anunciantes.

Mas nem tudo são flores. Na realidade, hoje, é quase impossível anunciar qualquer coisa relacionada a criptomercado no facebook.

Nós do Investidor Moderno sofremos com a proibição.

Apesar de não comercializamos nenhum valor, ou ao menos, transacionar ou intermediar…não conseguimos anunciar nosso conteúdo educacional!

Num golpe midiático, o facebook volta atrás na sua decisão impeditiva. Mas na prática, não é bem assim…

A empresa de Zuckerberg impõe tantas condições para o anunciante de valores digitais, que é praticamente impossível cumprir todos os requisitos.

Os anunciantes devem enviar um requerimento para ajudar o Facebook a avaliar sua elegibilidade – incluindo quaisquer licenças obtidas, sejam elas negociadas em uma bolsa de valores pública e outros antecedentes e registros públicos relevantes sobre seus negócios.

”Dadas essas restrições, nem todos que querem anunciar, serão capaz de fazê-lo. Mas vamos ouvir o feedback, ver como esta política funciona e continuar a estudar essa tecnologia para que, se necessário, revisá-la com o tempo ”, disse Rob Leathern, diretor de gerenciamento de produtos do Facebook.

O Facebook trouxe a proibição em janeiro/fevereiro.

Notícia – Facebook proíbe bitcoin

Na época, a empresa disse que muitos anunciantes “não estavam operando de boa fé” e acrescentou que a proibição foi “intencionalmente ampla”, ao mesmo tempo em que trabalhava para detectar práticas de publicidade enganosas.

Enquanto a proibição foi parcialmente rescindida, Facebook continua a proibir anúncios que promovem opções binárias – em que os comerciantes apostam em um movimento do mercado por uma quantia fixa de dinheiro – e Ofertas Iniciais de Moedas (ICO), acrescentando que os usuários da rede social devem continuar a denunciar conteúdo que viole suas políticas de publicidade selecionando “denunciar anúncio “.

O Bitcoin então, com mais esse duro golpe do Facebook, sofreu mais uma queda de preços, aproximando-se de US $ 6.000.

Soma-se a proibição do facebook, outro fato relevante para junho/18:

Mais de US $ 20 milhões em Bitcoin foram apreendidos de fornecedores ilegais na Darknet pelo Departamento de Justiça (DoJ) no EUA.

Estados Unidos proíbe o Bitcoin

De acordo com um comunicado divulgado pelo DoJ, a operação envolveu o Serviço Secreto, a Agência Antidrogas e o Serviço de Inspeção Postal.

As autoridades policiais também apreenderam drogas ilegais, armas de fogo, US $ 3,6 milhões em dinheiro e barras de ouro.

A moeda digital, depois desta apreensão tocou o suporte em US $ 5 mil antes do final do verão.

Por fim do turbulento mês de junho, o Japão intensificou atividades reguladoras ao btc e ainda houveram casos de hackeamento de transações na Europa.

– 18/06/2018: Bitcoin nunca substituirá a moeda fiat, diz Central Bank – O Bitcoin em Reais.

O Bitcoin nunca poderia substituir moeda fiduciária porque é um substituto pobre para o apoio institucional do dinheiro, de acordo com o Bank of International Settlements (BIS).

Em um relatório chamado: “Cryptocurrencies: Uma visão além da hype”, o grupo suíço correspondente aos bancos centrais do mundo rejeitou a noção de que Bitcoin e blockchain poderiam replicar moedas fiduciárias em escala nacional de varejo.

Alegando a instabilidade dos valores digitais, e a dificuldade de escalabilidade das transações para pessoas comuns

“A questão-chave das criptomoedas é seu valor instável decorrente da ausência de um emissor central com mandato para garantir a estabilidade da moeda “, disse o BIS em seu relatório, uma referência ao valor flutuante do Bitcoin

Resultado das declarações somado a todos os fatos supracitados para junho:

Queda de quase US $ 10.000 no início de maio para apenas US $ 6.458, chegando a tocar a casa dos US $ 5.000.

” Bancos centrais bem administrados conseguem estabilizar o valor doméstico de sua moeda soberana ajustando a oferta… em linha com a demanda de transações “, acrescentou o relatório do BIS.

Eles o fazem em alta freqüência, em particular durante períodos de estresse do mercado, mas também durante os tempos normais. “Esta capacidade de aumentar o número de tokens de moeda em circulação não é possível com Bitcoin e outras criptomoedas, que geralmente têm um limite rígido para o número total de tokens que é possível criar e que se tornam cada vez mais difíceis”

O.BIS finalizou dizendo que as criptomoedas são vulneráveis ​​a um colapso na confiança, porque podem evaporar a qualquer momento devido à fragilidade do consenso descentralizado através do qual as transações são registradas.

Além de tudo isso, o banco sugere que o uso da blockchain para processar o volume diário de pagamentos de varejo de uma nação seria demais para as capacidades de armazenamento típicas dos smartphones atuais.

“Mesmo sob suposições otimistas, o tamanho do livro levaria muito além da capacidade de armazenamento de um smartphone típico em questão de dias, além de um computador pessoal típico em questão de semanas e além dos servidores em questão de meses.  

Apenas supercomputadores possuem o poder de processamento necessário para conduzir todas as transações de varejo em um blockchain, e… Mesmo que houvesse supercomputadores suficientes para criar uma rede descentralizada, milhões de usuários trocariam arquivos na ordem de uma magnitude de um terabyte. Este volume massivo de volume de comunicação impactaria a internet”, de acordo com o relatório.

o que está acontecendo com o bitcoin?
o que está acontecendo com o bitcoin?

– 16/05/2018: A HTC planeja construir o blockchain phone

HTC está planejando construir um novo celular equipado com blockchain com uma carteira de criptomoeda embutida.

O dispositivo Android elogiado , conhecido como Exodus, virá equipado com uma carteira universal e suporte de hardware para todas as principais criptomoedas, incluindo Bitcoin, bem como com aplicativos descentralizados.

Taiwanese fabricante HTC objetiva sincronizar seus dispositivos Exodus para uma rede blockchain nativa, com cada dispositivo agindo como nós, permitindo o comércio de criptomoedas entre os usuários com facilidade.

Confirma o head de negócio e desenvolvimento corporativo da HTC, Phil Chen, que fundou o sistema de realidade virtual Vive, delineou esses planos em uma entrevista com The Next Web.

Estamos entusiasmados por apoiar os protocolos subjacentes, como Bitcoin, Lightning Networks, Ethereum, Dfinity e muito mais “, disse Chen.

“Gostaríamos de apoiar todo o ecossistema blockchain, e nos próximos meses estaremos anunciando muito mais parcerias excitantes.”

A mais recente inovação da HTC segue os passos da gigante de fabricação eletrônica Foxconn, que no mês passado concordou em construir um dispositivo alimentado por blockchain desenvolvido pela Sirin Labs.

O Finney, que deverá ser lançado em outubro, possui uma carteira de criptografia ‘cold storage’, ativada por meio de um switch físico que, quando acionado, desativa imediatamente todas as comunicações não criptografadas a carteira de criptografia ficará off-line a menos que ativada deliberadamente.

O anúncio da HTC continua com uma tendência recente de empresas adotarem a tecnologia blockchain em uma tentativa de atualizar e aprimorar seus produtos e serviços – com uma variedade de setores, de finanças a automotivos, aproveitando a nova tecnologia.

Alguns fabricantes como BMW, Ford, Groupe Renault e General Motors, por exemplo, no início deste mês se reuniram para formar um consórcio que explore como blockchain pode reinventar a mobilidade e enfrentar as mudanças da indústria.

Enquanto isso, a KPMG, gigante da auditoria mundial, acredita blockchain ainda permanece na “fase hype”, com resultados não esperados até pelo menos 2019.

Falando com IT Pro em fevereiro, KPMG chefe de crescimento de tecnologia Patrick Imbach disse: “Não tenho certeza se algum tipo de casos de uso tangíveis e modelos comerciais baseados em tecnologias blockchain evoluirão nos próximos meses.”

– 30/04/2018: Unicef ​​quer usar sua CPU para minar criptomoedas

A Unicef ​​quer emprestar seu poder de processamento por uma boa causa.

Quaisquer moedas digitais que a instituição beneficente infantil minera com sucesso através de sua página de destino, que as pessoas podem visitar para “doar” sua CPU, são automaticamente doadas ao braço australiano da instituição de caridade, Unicef ​​Austrália, e gastos em suprimentos que salvam vidas, como água limpa, alimentos e vacinas para crianças vulneráveis.

As pessoas podem escolher o nível de poder de processamento que desejam “alugar” da Unicef.

É basicamente um programa onde qualquer um doa criptomoedas para a caridade.

“Queríamos alavancar novas tecnologias emergentes para aumentar a conscientização sobre as atuais crises humanitárias e levantar fundos para apoiar as crianças envolvidas nelas”, disse Jennifer Tierney, diretora de angariação de fundos e comunicação da Unicef ​​na Austrália.

“É a primeira vez que um produto como esse é desenvolvido para o mercado. Esperamos levantar milhares e estamos pedindo às pessoas na Austrália para que tornem a página da Unicef ​​em sua página inicial.”

A plataforma de doações é fornecida pelo AuthedMine.com da Coinhive, que oferece uma ferramenta de mineração para a moeda digital Monero que pode ser incorporada em outros sites.

Ao doar CPU, a Unicef ​​é capaz de usar o poder de processamento em massa para resolver equações complexas que recompensam mineiros bem-sucedidos com novas moedas que podem gastar.

A unicef vale-se de criptomoedas como ajuda para levantar doações para crianças sírias apanhados no conflito do país

o que está acontecendo com o bitcoin?
o que está acontecendo com o bitcoin?

– 13/04/2018: Exchange indiana perde US $ 3,3 milhões em roubo – Golpe no Bitcoin.

O Coinsecure confirmou que foi atingido por um assalto à criptomoeda devastador, que viu bandidos levarem US $ 3,3 milhões em moedas digitais.

O anúncio em sua homepage levou usuários a loucura.

Os invasores haviam roubado cerca de 438 bitcoins (US $ 3,3 milhões).

A equipe da exchange reportou: “O nosso sistema em si nunca foi comprometido ou hackeado, as perdas foram causadas durante um exercício para extrair o BTG [Bitcoin Gold] para distribuir aos nossos clientes”, disse a empresa à polícia de Nova Deli pelo CEO Mohit Kaira.

Em um comunicado, Saxena, diretor de segurança da Coinsecure, alertou Kaira que a bolsa havia sido atingida por “algum ataque” que resultou em fundos sendo “roubados da parte da empresa”.

” Nosso CSO, Dr. Amitabh Saxena, estava extraindo BTG (Bit Coin Gold) e o roubo aconteceu durante a extração das chaves privadas “,

No entanto, Kaira não está comprando esta história,e acusou Saxena de orquestrar todo o assalto.

Na queixa da polícia, ele afirma que Saxena está “fazendo uma história falsa para desviar a atenção e pode ter um papel a desempenhar em todo este incidente” .

O CEO explicou que “os fundos dos usuários são mantidos com segurança em nossa carteira bitcoin”. e Saxena tem acesso às chaves privadas para a carteira.

“O incidente relatado pelo Dr. Amitabh Saxena não parece convincente para nós.” Kaira também está pedindo às autoridades que cancelem seu passaporte porque ele “

A bombástica notícia chegou em mau momento, onde o Reserve Bank of India implementou uma nova regra proibindo os bancos e outras organizações financeiras de aceitarem criptomoedas.

Criptomoedas permitem transações monetárias anônimas, basicamente eliminando a trilha de dinheiro rastreável. Criminosos são notoriamente adaptáveis ​​e seguirão o dinheiro onde quer que ele vá, sempre!

– 06/04/18: Monex confirma compra da Coincheck

Monex confirma compra da Coincheck
Monex confirma compra da Coincheck

A exchange do Japão, Monex deve adquiriu Coincheck, uma bolsa de criptomoedas que se tornou notória no início deste ano por sofrer uma grande falha de segurança.

O trade custará à Monex 3,6 bilhões de ienes (24 milhões de libras), mas dará controle total sobre a empresa, com o atual CEO e COO deixando o cargo e o CEO da Monex, Toshihiko Katsuya, assumindo a direção do negócio.

Em um comunicado relatado pela CCN, Monex disse: “Reconhecemos a tecnologia blockchain e as criptocorrências como tecnologias e plataformas de última geração que provavelmente mudarão drasticamente o modo como as pessoas abordam o dinheiro”.

“O negócio de troca de criptomoeda desempenha um papel central em uma visão do novo começo da MONEX, por isso, a empresa resolveu adquirir 100% das ações da Coincheck, que tem sido pioneira entre as bolsas de criptomoedas “, acrescentou.

A Checheck tem um passado difícil, tendo sido vítima de uma invasão massiva em janeiro deste ano.

Roubo de bitcoin no japão
Roubo de bitcoin no japão

Foram roubados 523 milhões de unidades da moeda digital NEM, que na época foi avaliada em US $ 547 milhões, superando o infame hack que derrubou a Bitcoin Exchange Mt. Gox em 2014 e tornando-o maior roubo de criptomoedas de todos os tempos, até então.

A empresa acabou pagando a seus 260.000 clientes um total de US $ 440 milhões (£ 313 milhões) em compensação pela perda e foi obrigada pelas autoridades financeiras japonesas a endurecer suas garantias.

o que está acontecendo com o bitcoin?

– 05/04/2018: A Foxconn planeja fabricar ‘blockchain phone’

Mais uma construtora do infame blockchain phone.

A gigante de fabricação de eletrônicos Foxconn assinalou a construção de um telefone centrado em blockchain que ajudará seus proprietários a armazenar e negociar com segurança criptomoeda.

Desenvolvido pela Sirin Labs, o dispositivo – apelidado de Finney – rodará o sistema do Google, Android.

O telefone ainda não saiu, e não há expectativas.

Na data que estamos, na nossa linha do tempo reversa, o bitcoin está em US $ 8.000.

– 27/03/2018: O Twitter se junta ao Facebook e Google proibindo anúncios de ICO´s.

twitter segue o facebook e proíbe o bitcoin
twitter segue o facebook e proíbe o bitcoin

Alegando “preocupações de que os usuários possam ser enganados por alegações enganosas”, o twitter seguiu a linha das gigantes de mídias sociais, e avançou contra o mercado de criptomoedas.

“Sabemos que esse tipo de conteúdo é frequentemente associado a enganos e fraudes, tanto orgânicos quanto pagos, e está implementando proativamente vários sinais para evitar que esses tipos de contas se envolvam com outras pessoas de maneira enganosa”.

Anúncios de vendas de token aumentavam substâncialmente na mídia social após o aumento da popularidade do cryptocurrencies ano passado.

Embora muitos desses ICOs sejam tentativas legítimas de financiamento coletivo, os usuários são freqüentemente afetados por projetos que não cumprem as promessas ou simplesmente enganam seus investidores com seus fundos.

O Facebook foi o primeiro a tomar medidas contra esse estilo de investimento, banindo todos os anúncios de criptomoeda em janeiro, enquanto o Google disse mais tarde que também começaria a remover todos os anúncios a partir de junho.

  • O Bitcoin está pairando em pouco menos de US $ 8.000 no momento.

– 19/03/2018: Traders de criptomoedas são atingidos por taxas substanciais – Quais as taxas do Bitcoin?

Os donos das commodities virtuais logo se deparam com uma desagradável cobrança de impostos que vale mais do que o valor de suas moedas, em meio a uma desaceleração do mercado que não mostra sinais de recuperação.

O comerciante que viu o preço do Bitcoin chegar a quase US $ 20.000, repensa suas posições.

Os Norte-americanos estavam agora sujeitos às leis tributárias do Internal Revenue Service,

Um usuário no Reddit  revelou que devia US $ 50 mil em impostos à Receita Federal americana que avaliou seus lucros em US $ 120 mil

Ocorre que suas moedas valiam US $ 30 mil.

“Peguei a maior parte das minhas economias e comprei 8 bitcoins no início de 2017 por cerca de US $ 7200”, o usuário que atende pelo nome thoway ‘disse em um post:

“Por volta de dezembro de 2017, eu fui pego no frenesi das altcoins e vendi a maioria dos meus bitcoins (cerca de US $ 120k) para comprar um monte de moedas diferentes.”

“Eu não sabia disso na época, mas parece que eu deveria declarar renda sobre esses negócios, que somam cerca de US $ 50 mil dentre tributos estaduais e federais.

“Mas com a queda que aconteceu recentemente, eu vendi minhas altcoins na baixa…. todo meu patrimônio está avaliado em US $ 30.000”

Em novembro de 2017, a Receita Federal americana informou à Coinbase que esta precisaria fornecer os detalhes de quase 15.000 usuários que haviam negociado em sua plataforma desde 2013.

No Reino Unido as regras começaram a 3 anos atrás, quando o Bitcoin valia 500 libras.

Lá, a taxação é 10% sob lucros, em transações acima de £ 11.700 para pagadores de taxa básica, ou 20% para pagadores de taxa mais alta.

Previsão Bitcoin 2019

– 14/03/2018: Google proíbe anúncios de criptomoeda em nova repressão – Google proíbe o Bitcoin!

Proibindo toda a publicidade para criptomoedas e ofertas iniciais de moedas (ICO), o Google junta-se ao Facebook em uma repressão aos serviços financeiros especulativos.

Valendo a partir de junho de 2018, o maior fornecedor mundial de anúncios digitais bloqueará promoções de moedas digitais de toda espécie.

Valendo para todo o seu portfólio de serviços, incluindo o Youtube e quaisquer sites de terceiros que compram anúncios do Google, a proibição foi um dos maiores baques para o Bitcoin em sua curta, porém nada tranquila vida.

Outros instrumentos, como opções binárias e propagação de apostas, que muitas vezes se vendem como esquemas de enriquecimento rápido para usuários de internet, também serão banidos.

Comparando o criptomercado a jogos de azar, ainda que indiretamente, você pode imaginar que este fato não foi nada benéfico para o preço da moeda…

A proibição do google contribui para uma maior restrição regulatória no mercado de criptografia.

O aperto do mercado desde o Ano Novo significou que o universo das criptomoedas não terá vida fácil….

  • No momento que estamos na nossa timeline, um bitcoin vale US $ 8.944, US $ 10.000 menos do que sua alta em dezembro.

– 05/03/2018: Mais uma fraude. 600 crypto-mining servers roubados na Islândia – Roubo de Bitcoin!

Fraude bitcoin finlandia
Fraude bitcoin finlandia

Autoridades na Islândia prenderam 11 pessoas ligadas ao roubo de 600 servidores de mineração de criptomoedas variadas.

A polícia acredita que este foi o maior ataque hacker da história da Islândia.

O “Big Bitcoin Heist”.

Dos 11 presos, apenas duas pessoas permaneceram sob custódia depois de uma audiência em Reykjanes Tribunal Distrital.

O prejuízo é avaliado em US $ 2 milhões.

Olafur Helgi Kjartansson, comissário de polícia da região, descreveu-o como “um grande roubo em uma escala nunca antes vista”, acrescentando que foi ” um crime altamente organizado “.

O ponto mais fraco em qualquer operação de cibercrime costumava ser a monetização do dinheiro roubado – e é aí que o Bitcoin entra.

Costumava haver um rastro de dinheiro que a polícia pudesse rastrear até os infratores.

Criptomoedas permitem transações monetárias anônimas, basicamente eliminando a trilha de dinheiro rastreável que foi o maior desafio para muitos criminosos cibernéticos no passado.”

Governos em todo o mundo manifestaram preocupação com as moedas digitais, com a China e a Coréia do Sul já implementando regulamentações rigorosas sobre a mineração criptográfica.

– 02/03/2018: O criptomercado do Japão se auto-regula após assalto de US $ 530 milhões

Dezesseis das exchanges do Japão afirmaram que formarão um órgão de autorregulamentação para angariar confiança na indústria altamente volátil e desfazer os danos causados por um assalto de US $ 530 milhões em janeiro.

Ainda hoje, não há nome ou data de lançamento para a organização.

A exchange prejudicada, a Coincheck despertou o alarme de que a indústria estava fazendo muito pouco para garantir que os clientes estejam protegidos.

A Coincheck armazenou fundos em carteiras conectadas às suas redes em vez de em carteiras offline isoladas.

Se o órgão for capaz de se auto-regular com sucesso, no futuro, pode servir de exemplo e opção a regulação estatal.

02/03/2018: União Europeia alerta para os riscos da não-regulamentação do criptomercado

Bitcoin na europa

A União Européia alertou que começará a regular as criptomoedas se a volatilidade do mercado, nascida de picos no valor de Bitcoin e outros, não for tratada.

A preocupação com a falta de supervisão regulatória das moedas alternativas, que têm se tornado incrivelmente populares ao longo dos anos.

O mercado de criptomoedas, combinado com a transformação digital das sociedades, tem levantado preocupações.

A natureza fragmentada do mercado significa a falta de prestação de contas ou de um organismo regulador central.

O anonimato que proporciona aos participantes em suas transações também criou preocupações de que ele proporcionará um grande impulso aos lucros ilegais gerados pelas vendas de drogas e lavagem de armas.

Da mesma forma, em uma sessão do Reddit: “Pergunte a mim”, Bill Gates (esse não precisa de hiperlink, né?!) fundador e ex-CEO da Microsoft criticou as criptomoedas dizendo até que o Bitcoin “causou mortes” com seu uso no tráfico de drogas.

Enquanto isso, ainda em Março o Lloyds vetou ao seus clientes o uso de cartões de crédito para comprar bitcoin.

A Alemanha e a França reconheceram seu potencial de inovação e crescimento, mas acreditam que isso representa perigos substanciais para os investidores e, sem as estruturas regulatórias necessárias, poderia ser uma benção para a indústria de crimes financeiros.

Previsão Bitcoin 2019

– 22/02/2018: O Comitê de Tesouraria do Reino Unido disse que vai investigar moedas digitais

Uma atenção especial será dada aos riscos que as moedas digitais representam para as empresas e consumidores, como a volatilidade do mercado e seu uso como moeda de escolha para criminosos cibernéticos e lavadores de dinheiro.

“Essa investigação vem no momento certo, enquanto os reguladores e governos lidam com os recentes eventos nos mercados de criptomoeda “, disse a membro do Comitê do Tesouro e deputada trabalhista Alison McGovern.

“A nova tecnologia oferece ganhos potenciais à economia, mas, como recentemente demonstrado, também pode trazer riscos substanciais. É hora de a Whitehall e a Westminster entenderem melhor a criptomoeda e pensarem mais claramente sobre o ambiente político da tecnologia blockchain.”

França e a Alemanha sinalizaram o desejo de abordar as implicações das criptomoedas colocadas na agenda na cúpula do G20 na Argentina em março.

– 16/02/2018: Bug em exchange prejudica milhares de clientes

Golpe no bitcoin

A famosa exchange Coinbase travou milhares de dólares de usuários devido a um erro em seu sistema, mas oferecerá reembolsos.

Os clientes foram cobrados várias vezes por transações, o que a Coinbase explicou como resultado de um bug ligado a como as empresas de crédito cobraram pelo serviço.

Tendo corrigido o problema, a exchange prometeu reembolsou os afetados.

A Coinbase pediu desculpas pelo erro e disse que estava “trabalhando ativamente com bancos, processadores e redes para melhorar a experiência de compra de moeda digital”.

A popular troca de Bitcoins atribuiu o erro a mudanças no Código de Categoria de Comerciante, que é usado pela Visa para identificar transações de débito e crédito.

Depois que os bancos emitiram avisos de que deixariam de permitir que os clientes comprassem criptomoedas usando cartões de crédito, as mudanças entraram em vigor.

Os usuários acessaram o fórum do Reddit da Coinbase para expressar suas reclamações, com uma cobranças como US $ 67 mil e US $ 17 mil.

“Fiz todo esse dinheiro operando diariamente bitcoins nos últimos 8 meses. Isso não é bom e me sinto doente. Eu sabia que havia risco de perder dinheiro no mercado, mas não assim!”

Melhor Alcoin para 2019
Melhor Alcoin para 2019

– 14/02/18: A revista americana Salon anunciou que testa o uso de mineração de moedas para aumentar receita – Bitcoin Miner é viável?

Em uma tentativa de combater os bloqueadores de anúncios, que são muitas vezes a principal fonte de geração de receita para sites, Salon explicou que testa a mineração como alternativa a fonte de receita.

Agora a revista virtual dará aos leitores a opção de aceitar anúncios ou permitir que peças sobressalentes do poder de processamento de seu computador sejam utilizadas para minerar a criptomoeda Monero.

Sua intenção é “contribuir para o avanço da descoberta tecnológica, evolução e inovação”.

Acredita-se que o site está usando CoinHive , uma ferramenta de mineração.

A Salon notifica os usuários e exige que eles concordem em usar a ferramenta.

O poder de processamento extra do computador é aproveitado quando os usuários navegam no site da Salon e alerta que o computador vai utilizar mais energia.

Essa mudança do Salon representa um novo método usado pelos sites de notícias para gerar receita – muitos usaram assinaturas on-line, barganhas e doações para financiar seu jornalismo.

Um novo problema é trazido a tona: O Bitcoin e adjacentes estão causando sérios problemas de fornecimento de energia.

O que nos leva a próxima data da nossa retrospectiva 2018:

– 13/02/2018: “Bitcoin requer mais energia que a própria islândia!” – Quanta energia para minerar Bitcoin?

O Bitcoin está causando sérios problemas de fornecimento de energia na Islândia, de acordo com o executivo de energia Johann Snorri Sigurbergsson.

“Os centros de dados que apoiam o uso da moeda virtual estão consumindo mais energia do que todos os lares do país.”

na Islândia, segundo o executivo de energia Johann Snorri Sigurbergsson, a atividade de mineração está consumindo mais energia do que todas as casas do país.

Acrescentou que a população islandesa está entusiasmada com o salto nas oportunidades de mineração de Bitcoin, mas se todos que manifestarem interesse em mineração começarem a participar, é improvável que a infra-estrutura energética seja capaz de aproveitá-la.

Quase todo o fornecimento da Islândia vem de fontes renováveis de energia, ​​e muitas das empresas que constroem centros de dados no país querem manter usar a energia verde.

Disse Sigurbergsson à BBC:

“Recebo muitas ligações, visitas de investidores potenciais ou empresas que querem construir data centers na Islândia.”

“Se todos esses data centers fossem em frente, o país ficaria sem energia para abastecer tanto a eles quanto a residências e como comparação, a população de 340.000 pessoas da Islândia utiliza cerca de 700 gigawatts-hora por ano.”

“Se a mineração de Bitcoin continuar a subir em sua taxa atual, as operações de mineração de Bitcoin usarão cerca de 840 gigawatts-hora de eletricidade em um futuro muito próximo.”

Os países e seus representantes começam a identificar o clamor popular por uma nova fonte de renda… Mineração de criptomoedas.

  • A mineração traz a tona um problema antigo… Auto-suficiência energética!

 

Melhor Alcoin 2019

– 08/02/2018: Bitcoin estável novamente depois do “crash” – O Bitcoin vai subir?

A moeda digital Bitcoin retoma valores, de pouco em pouco, depois que a cotação despencou para a mínimo em dois meses

O declínio ocorreu depois que vários bancos ao redor do mundo proibiram seus clientes de usar cartões de crédito para comprar moedas criptografadas, temendo pagar as dívidas dos clientes aventureiros.

Na época da proibição no inicio de fevereiro de 2018, o bitcoin era negociado US $ 6.430,30, uma queda de dois terços na alta histórica de quase US $ 20 mil, e bem acima dos atuais US $ 4.200.

O Coinmarketcap apontava na época uma alta no Bitcoin de 26% nas últimas 24 horas do dia 08 de feveirero, superando US $ 8.000 após o crash temporário.

O movimento foi acompanhado pelos pares digitais: Ethereum, +32%, Ripple e Bitcoin Cash, ambos com +22% e Cardano, com alta de 25%.

O Bitcoin fecha o dia de recuperações, negociado a US $ 8.496,17.

. Entre as dez mais importantes moedas criptográficas, todos viram um aumento de pelo menos 20%.

– 06/02/2018: Bitcoin continua a despencar e fura o suporte nos US $ 7.000 pela primeira vez desde novembro/17 – Bitcoin despenca!

A exchange Coinbase, marcou em 06 de janeiro US $ 6.430,30 para o bitcoin.

A Coindesk identificou o mesmo problema em outras moedas criptografadas, como Ripple, que caiu 14% e Ether da Ethereum, que também caiu 13% nas últimas 24 horas.

O declínio ocorre depois que vários bancos ao redor do mundo proibiram seus clientes de usar cartões de crédito para comprar criptomoedas.

Dentre os bancos citados, estão:

Lloyds Banking Group, Bank of Scotland, Halifax, MBNA, JPMorgan Chase, o Bank of America e o Citigroup

O gatilho foi a queda de 30% na sexta-feira, dia 02 de fevereiro, a mais baixa foi em quase cinco anos da moeda até então.

Minerar bitcoin dá dinheiro?

– 02/02/2018: Uma série de repressões e proibições publicitárias abalou o mercado de criptomoedas.

Gigantes da comunicação digital vetaram anúncios relacionados a moedas digitais e aí  os preços despencaram, angariando perdas de centenas de bilhões de dólares quase da noite para o dia.

O Bitcoin sofreu neste dia, o maior declínio da história da moeda, até então.

Neste dia houve um grande escândalo com a moeda digital Tether

O theter era a promessa de uma moeda digital lastreada no dólar, caminahndo sempre na proporção de um-para-um com o dólar americano, permitindo os benefícios do comércio criptomoeda com a estabilidade de uma moeda fiduciária.

No entanto, preocupações foram levantadas depois que os críticos alegaram que as reservas estavam sub-capitalizadas, com mais fichas Tether sendo criadas do que a quantia de dólares sendo depositada para sustentar a moeda.

Existiam, a época, dois bilhões de tokens Tether em circulação na big exchange Bitfinex.

Usuários então começaram a exigir provas que a exchange detinha capital em US$ suficiente para lastrear o theter.

O escândalo tomou grandes proporções, e gerou impacto mundo à fora.

Imediatamente o mercado respondeu. Preços caíram, e daí, o governo indiano anunciou proibição a todo o comércio de criptomoedas no país.

Logo então, o facebook tomou partido e proibiu também propagandas de criptovalores em sua plataforma, citando a desconfiança do setor e o potencial de os usuários serem enganados por oportunidades de investimento instáveis.

A série de movimentos de alta contra a indústria de criptomoedas significou que Bitcoin, Ether, Bitcoin Cash e Litecoin derreteram.

Mais um golpe veio da Coréia do Sul.

O governo restringiu o comércio de várias tradicionais criptomoedas

– 01/02/2018: Analistas alertam que o preço do Bitcoin pode cair 80% se for artificialmente alimentado por analistas – O famoso Pump and Dump

Bitcoin pump and dump
Bitcoin pump and dump

Analistas alertam que o preço do Bitcoin pode cair até 80% se o preço for artificialmente alimentado, como retaliação ao tratamento por eufemismo na crise do Tether.

Estes analistas defendem a tese do Theter ter sido criado com a única finalidade de trazer falsa credibilidade ao criptomercado, para sustentar e inflar preços de moedas.

Este fato resultaria em um “banho de sangue” para os investidores.

Tether é um chamado “stablecoin”, que visa manter par ao preço do dólar americano.

O tethter é de propriedade da exchange Bitfinex.

Na época, um blogueiro identificado como “Bitfinex’d” bradou contra o tether no twitter.

Curiosidade: Na época a capitalização de todo o criptomercado era de US $ 397 bilhões, hoje, novembro de 2018, são: $142.5 bilhões.

Previsao Bitcoin 2019

– 31/01/18: Samsung começa produção de uma nova linha de chips para uso em mineração de criptomoedas – Samsung e o Bitcoin.

O gigante da tecnologia teria aperfeiçoado uma série de semicondutores ASIC (Application Specific Integrated Circuit), que serão fornecidos a uma empresa chinesa de hardware ainda não denominada a partir de janeiro, de acordo com a emissora sul-coreana The Bell.

Os semicondutores são considerados chips projetados para otimizar a mineração de criptomoedas que normalmente exigem hardware de alta velocidade e alta eficiência.

A Samsung entrou na fase de produção de mineradores ASIC e equipamentos de mineração especializados para mineração de bitcoin e cryptocurrency.

Foi uma notícia sem precedentes, que decolou o preço do Bitcoin e seus pares no mercado mundial.

A mineração de Bitcoin, em particular, requer grandes quantidades de poder computacional, algo que tem sido servido nos últimos anos por grandes empresas que oferecem equipamentos de mineração dedicados, particularmente na China, onde os custos de eletricidade são relativamente baratos.

Embora a Samsung ainda não tenha confirmado o relatório, ela coincide com os resultados do quarto trimestre da empresa, que, apesar de um declínio geral de seu negócio de fundição, apontaram para o aumento das vendas na China graças a novos contratos com clientes.

Paul Armstrong, autor de “Disruptive Technologies: Compreender, Avaliar, Responder”, disse que a concorrência da Samsung deve estabilizar o mercado de mineração cryptocurrency, que atualmente é dominado pelos gostos de Bitmain e Canaan Creative.

  • Ainda hoje, no fim de 2018, nenhum sinal deste celular da Samsung, sequer em mercado mundial. A Bitmain ainda domina.

– 26/01/2018: A primeira-ministra da UK, Theresa May “O governo esta pensando seriamente em conter as criptomoedas devido aos temores de que criminosos estejam explorando o anonimato das plataformas”

  • Já no início de 2018, batiam forte no Bitcoin…

“Em áreas como moedas criptografadas, como o Bitcoin, deveríamos estar olhando para elas com muita seriedade”, disse May em entrevista à Bloomberg.

Ela acrescentou que, como o uso do Bitcoin vem se “desenvolvendo cada vez mais”, uma postura mais rígida pode ser exigida “precisamente por causa do modo como são usados, particularmente por criminosos”.

As criptomoedas são usadas há muito tempo como uma maneira de financiar atividades criminosas on-line, com hackers explorando o anonimato que as plataformas, como o Bitcoin, fornecem.

Mais recentemente, os criminosos começaram a adotar outras criptomoedas, particularmente o Monero, que é projetado para ser ainda mais difícil de rastrear.

Os comentários de May ecoam pedidos de outras nações que mais restrições precisam ser colocadas sobre o uso de criptomoedas.

O mercado ainda está se recuperando da notícia de que a Coréia do Sul está considerando um plano completo para transações de criptomoedas, um movimento que alguns temem que leve o mercado a despencar.

Em comparação com o mercado sul-coreano, onde algumas das maiores exchanges do mundo estão sediadas, é improvável que uma restrição no Reino Unido, ou mesmo uma proibição total, tenha um impacto significativo, uma vez que possui apenas uma grande exchange.

  • Em Janeiro de 2018, o Bitcoin operava a US $ 10.000 !

Previsao Bitcoin 2019

– 22/01/2018: “O Bitcoin sofrerá um enorme crash no próximo ano, este é o único resultado de uma bolha como esta” – Peter Boockvar – Afinal, Bitcoin é bolha?

Em entrevista à CNBC, o diretor de investimentos do Bleakley Advisory Group disse que o crash pode ser na forma de um mergulho épico ou uma queda lenta e constante.

No entanto, ele disse que está chegando a hora da queda de 90% dos níveis atuais.

“Quando algo é parabólico como este, geralmente termina onde a parábola começou”, disse ele ao programa Futures Now da CNBC.

“Eu não ficaria surpreso se no próximo ano cair para US $ 1.000 a US $ 3.000.”

 

  • Na época o Bitcoin era negociado a US $ 11.819, embora tenha atingido o pico de US $ 19.000 em dezembro/17.

 

O professor de economia da Yale, Robert Shiller, que também já descreveu o Bitcoin como “o melhor exemplo de uma bolha”, disse à Coin Telegraph na sexta-feira que enquanto o Bitcoin “pode ​​entrar em colapso total e ser esquecido”22 / 01/2018: Bitcoin sofrerá um

– 18/01/2018: Apesar das recentes flutuações de preço, o valor do Bitcoin pode continuar a subir em 2018 para US $ 100.000, segundo analista – O Bitcoin chega a 100 mil dólares?

Isso significa que o valor da moeda digital deveria elevar-se em 635% desde o valor na data, de US $ 13.601,43.

Kay Van-Petersen, analista do Saxo Bank, acredita que a moeda virtual aumentará significativamente no próximo ano depois de prever corretamente seu valor anteriormente.

Em dezembro de 2016, ele disse que achava que o valor do Bitcoin superaria o valor de US $ 2.000 em 2017.

Anteriormente, Van-Petersen disse que não era provável que a moeda virtual chegasse a US $ 100.000 por 10 anos.

A jornada para US $ 100.000 não virá sem percalços na estrada.

Van-Petersen ná época alertou que os fanáticos por moeda virtual devem ficar de olho na rival Ethereum também, porque é possível que o forasteiro possa ultrapassar o Bitcoin no futuro.

“O Ethereum veio depois do Bitcoin, ele tem uma liderança mais unificada do que o Bitcoin”

bitcoin coreia do sul
bitcoin coreia do sul

– 17/01/2018: Bitcoin cai abaixo de US $ 10.000 após a incerteza na Coréia do Sul.

PARA TUDO!!!

VOCÊ QUE CHEGOU ATÉ AQUI, DEVE SER UM AFICIONADO.

MEU CAMARADA, ESTE É, PARA MIM, O BIG DEAL DE 2018.

A GRANDE NOTÍCIA QUE MUDOU COMPLETAMENTE O FUTURO DO BITCOIN!

O Bitcoin despencou para menos de US $ 10 mil na principal exchange, Coinbase na noite de ontem, dia 16 de janeiro de 2018, junto com várias outras importantes moedas, como a Ethereum, que caiu 30%.

A perda do suporte de 10 mil dólares foi o início do fim da hype.

Este fato, a perda dos 10k USD separaram os entusiastas dos investidores de verdade.

Pode-se dizer que foi o início do FUD – Medo, Incerteza e Dúvida.

E tudo começou lá na Coréia do Sul.

O governo sul-coreano um dos maiores mercados de criptografia do mundo, ameaçou bloquear completamente essas negociações, depois que o ministro das Finanças, Kim Dong-yeon, disse que a proibição do comércio de criptografia era “uma opção viva”.

Hoje, sabe-se que as transações não foram cessadas. Mas, um conjunto de regulações estatais corroboraram para o declinio sentindo até hoje, final de 2018.

O que está acontecendo com o Bitcoin?
O que está acontecendo com o Bitcoin?

– 16/01/18: KFC abraça a hype da criptomoeda e lança o “Bitcoin BucketFast”

O KFC começou a vender um balde especial de edição Bitcoin de seu popular frango – e você adivinhou, pode comprar com a Bitcoin.

A seleção de guloseimas com tema de aves da empresa inclui “10 Receitas Originais, Waffle Fries, Med Side, Med Gravy e 2 Dips”, e custa o equivalente a 0,0010102 Bitcoins na época do lançamento.

No entanto, o balde só pode ser vendido em zonas de entrega KFC canadense.

O KFC explicou que seu balde Bitcoin está se mostrando muito popular.

“Muitos de vocês querem comprar em Bitcoin, o que significa que continuamos vendendo”, disse a empresa em sua página regional.

A medida mostra forças na popularidade do Bitcoin, e renovava as esperanças nas bases essenciais da moeda. Sería possível, um dia, todo o mundo trocar produtos em bitcoins?

KFC aceita bitcoin
KFC aceita bitcoin

– 11/01/2018: Incerteza na proibição de criptomoedas na Coreia do Sul faz Bitcoin cair.

Confusões sobre relatórios emitidos pelo governo da Coréia do Sul.

Alega-se que o governo estava pronto para anunciar uma proibição completa de negócios de criptomoedas.

Caso concretizada, a proibição imediatamente faria despencar o preço do Bitcoin.

Tomados pelo medo, investidores começaram a desmontar posições, causando um massivo sell-off na moeda e prejudicando os preços, pelo que na época, considrava-se burburinho!

Relatórios surgiram hoje cedo de que o Ministério da Justiça da Coréia do Sul estava preparando um projeto de lei para proibir o comércio de todas as moedas digitais.

Park Sang-ki disse que havia “grandes preocupações em relação às moedas virtuais e que o Ministério da Justiça está basicamente preparando um projeto de lei para proibir o comércio de criptomoedas por meio de trocas”,

Segundo a Reuters: Os comentários feitos pelo primeiro-ministro sul-coreano Lee Nak-yeon sugeriram que a mania poderia “corromper a juventude da nação”

  • Como resultado, o preço do Bitcoin caiu de US $ 15.000 para US $ 13.100 em questão de horas.

“A restrição visa minimizar os efeitos colaterais das transações de bitcoin e reduzir o investimento especulativo.”

  • A Coréia do Sul era a época o 5º maior volume de negócios globais do Bitcoin, comparável a toda a Europa.

– 11/01/2018: Warren Buffett não acha que o Bitcoin ou outras criptomoedas irão durar – Warren Buffett e o Bitcoin.

Disse o oráculo de Omaha à CNBC, á época, sugerindo que moedas virtuais não sejam investimentos:

“Em termos de criptomoeda, em geral, posso dizer com quase certeza que eles chegarão a um final ruim”, disse o investidor e presidente da Berkshire Hathaway no programa Squawk Box da CNBC.

O vice-presidente do conselho de Buffett, Charlie Munger, apoiou a posição de seu chefe, acrescentando que não são apenas as criptomoedas que causam problemas – o capital de risco também é uma tendência que não vai durar.

Ele comparou com a bolha das pontocom.

“Bitcoin e outras criptomoedas também são bolhas”, disse ele. “Investidores” estão animados porque as coisas estão subindo no momento e soa vagamente moderno. …

“Eu Tenho problemas suficientes com coisas que eu acho que eu sei alguma coisa sobre.”

– 08/01/2018: Visa se move para bloquear compras de bitcoins por meio dos seus cartões de crédito – Comprar Bitcoin com cartão de crédito?

Visa proíbe clientes de comprar bitcoin
Visa proíbe clientes de comprar bitcoin

A Visa bloqueou o acesso a uma série de cartões de crédito para comprar Bitcoin pré-pagos, impedindo os usuários de usá-los para fazer transações ou retirar fundos em libras esterlinas ou Euros.Cards emitidos pela BitPay, Cryptopay e Bitwala, que são operados pela WaveCrest

Os emissores de cartões agora estão devolvendo todos os fundos para os usuários.

Visa explicou que tinha tomado a decisão de revogar a adesão da WaveCrest porque não cumpria as regras de operação dos provedores de pagamento

“A Visa está comprometida com a segurança de seu ecossistema e a conformidade com as regras operacionais da Visa é fundamental para garantir a segurança e a integridade do sistema de pagamento.”

– 03/01/2018 Peter Thiel, do PayPal, ajuda o Bitcoin a retomar o crescimento com 10% de pico

O Bitcoin viu sua cotação subir de valor após o anúncio de que o Fundo Founders de Peter Thiel agora possui “centenas de milhões de dólares” em bitcoins.

  • O preço da moeda, imediatamente subiu mais de 10%, para cerca de US $ 14.500

O fundo de Peter comprou US $ 15 a 20 milhões da moeda digital, de acordo com um relatório do Wall Street Journal, com o fundo dizendo aos investidores que a aposta vale mais cinco vezes seu principal investimento.

A concorrente do Bitcoin, na época uma notória desconhecida chamada Ripple, o segundo maior sistema de dinheiro virtual também se aproveitou da declaração.

  • Cada moeda Ripple, também conhecida como XRP, alcançava em janeiro de 2018 a cotação de US $ 2,34, hoje, novembro de 2018:$0,414652:

Bitcoin paypal
Bitcoin paypal

Previsão do Bitcoin para 2019 – O Bitcoin vai subir?

Previsão do Bitcoin para 2019 - O Bitcoin vai subir?
Previsão do Bitcoin para 2019 – O Bitcoin vai subir?

16 previsões para o preço do Bitcoin em 2019 de especialistas do setor.

Não quero ser desonesto e dar minha opinião, um tanto quanto tendenciosa e nem tão pouco irrelevante sobre o futuro do Bitcoin.

Acho mais justo oferecer informações para que você, caro leitor, forme sua própria conclusão.

Por isso abaixo, irei elencar fatos relevantes marcados para 2019, bem como e análise de 16 especialistas do criptomercado.

O conteúdo abaixo foi retirado (adaptado) do excelente site, https://hackernoon.com/ e é de autoria de Andrey Sergeenkov.

Falei com especialistas e líderes do setor e, para minha surpresa, quase todos previram que a cotação do bitcoin deve triplicar até 1º de janeiro de 2019.

  • Em média, os 16 especialistas entrevistados cravam um preço justo de US $ 21.000.

Geralmente, as previsões variam de um preço de US $ 7.700 a um impensável US $ 150.000 por bitcoin.

Frisa-se que 6 entre 16 especialistas conectam diretamente as expectativas positivas às próximas decisões da SEC sobre o Bitcoin ETF neste outono.

O Bitcoin ETF é um fundo negociado (Exchange Traded Fund), que usará o bitcoin como seu ativo básico, ou seja, comprará bitcoins e depois venderá suas ações aos investidores.

É uma espécie de negociação indireta de bitcoins.

Os investidores não estarão trabalhando diretamente com o dinheiro digital, o que significa que seus ativos terão proteção confiável.

O lançamento do Bitcoin-ETF deverá atrair investidores institucionais.

1.Gavriel Shaw, CMO da Bitcoin.com:

Como um comerciante amador e autoproclamado psicólogo de mercado, meu melhor palpite em relação ao bitcoin de preços até janeiro é “muito acima” devido às fortes forças do mercado e aos padrões de gráficos de preços.

O break-out parece ser iminente e será uma corrida muito forte.

Para 01 de janeiro …

  • BTC em US $ 10.500 e BCH em US $ 1.500 em 2019.

2. Khaled Khorshid, cofundador da Treon ICO:

No meu ponto de vista, o BTC, acredito que, se a SEC aprovar o ETF do BTC até o final do ano, veremos topo histórico.

  • US $ 20 mil antes do final de 2018.

3. Alexander V. van Dijl, especialista financeiro:

Previsão do Bitcoin para 2019 - O Bitcoin vai subir?

No início deste ano, previ um valor de bitcoin de 150.000.

Embora isso pareça muito hoje, acredito que alguns movimentos firmes ocorrerão no futuro (muito) próximo.

Algo grande acontecerá, talvez um grande varejista aceite o bitcoin, talvez a “publicidade de adultos” aceite o bitcoin como pagamento.

Algo grande acontecerá e fará com que o preço suba novamente.

  • 150.000 é minha previsão para 1º de janeiro.

4. Ronald Shi, Head Trader / Analista na Virtuse Exchange:

Bitcoin é freqüentemente chamado de “ouro digital” e muitas vezes encontramos uma semelhança entre os dois.

A volatilidade dos preços do bitcoin hoje se assemelham ao mesmo movimento de preço do ouro nos anos 80.

Com a resolução do Bitcoin ETF, aprovado pela SEC, acredito:

  • US $ 10.000- $ 12.000.

5. Luke Lombe, chefe da Blockchain no PlayChip:

Previsão do Bitcoin para 2019 - O Bitcoin vai subir?

Estamos em uma forte tendência de baixa para todo o ano de 2018.

O dinheiro institucional tem se acumulado durante as mínimas. Pode ser efeito de acumulação.

Espero a resolução do ETF nos próximos 6-9 meses.

  • Acredito que o Bitcoin dobre de valor, no mínimo = US $ 12.600 até janeiro de 2019

6. Eric Brown, fundador e CEO da Aliant Pay Systems.

A minha previsão de preço do Bitcoin para

  • 1 de janeiro de 2019 é de US $ 23.000.

Estávamos praticamente a esse preço uma vez, e sabemos o que é preciso para recuperá-lo.

Estamos no início da tecnologia desse tipo de moeda, e à medida que a tecnologia cresce, aumenta também o valor.

O futuro é a tecnologia do bitcoin!

7. Hans Battle, Co-Fundador e CFO da Incremint: US $ 10.000

O que está acontencedo com o Bitcoin?

Depois de um período de especulações óbvias e frenéticas, estamos vendo um aumento nos nossos pedidos de serviços de custódia em bitcoin para aplicativos de comércio reais.

Isso fornecerá um piso para sustentar o valor do bitcoin.

8. Sam Russell, Co-Fundador / EVP Estratégia e Inovação na WORBLI

Se os fundamentos do Bitcoin mudarem positivamente com as próximas propostas de aprovação de um ETF pela SEC, podemos esperar que a pressão de compra aumente o preço em alta até os altos níveis anteriores de estrutura de mercado de $ 11.400

Se isso acontecer, o Bitcoin efetivamente mudaria de tendência.

  • Meu palpite – 17.000 USD.

9. PK Banks, Co-Fundador da CBlocks

Usando uma análise bastante conservadora e razoável, é fácil ver que o bitcoin está atualmente subvalorizado, em relação à sua média histórica.

O Bitcoin tipicamente negocia em uma faixa de cerca de 1,30 a 1,75 vezes sua média móvel de 200 dias (200 DMA).

  • Meu palpite? USD 9,420 nos próximos 4 a 5 meses é fácil de alcançar, quando a média de bitcoin reverte para 1,25-1,40 200 DMA.10.

10. Collins Brown, cofundador do Market Protocol:

  • $ 14.000 BTC / USD.

O que está acontencedo com o Bitcoin?

Bitcoin mostrou uma tremenda resiliência em relação ao resto do mercado, num momento onde os preços cederam.

À medida que o mercado de baixa se mantém, o sentimento acabará por se transformar e o BTC será o maior benfeitor em um horizonte de tempo curto.

11. Kyle Fournier, Analista de Criptografia da CryptoManiaks:

Em 1º de janeiro de 2019, espero que o preço do Bitcoin seja de aproximadamente

  • US $ 10.000,

Bitcoin e o mercado de criptografia passam por ciclos claros de mercados de alta, seguidos por mercados de baixa..

Vitalik Buterin, o criador do Ethereum, twittou em 31 de julho deste ano dizendo que estamos no final desta bolha de criptografia.

O Bitcoin começará em breve a subir gradualmente de volta.

12. James Stefurak, fundador da Monarch Research:

James Stefurak, fundador da Monarch Research:
James Stefurak, fundador da Monarch Research:

  • Nossa meta de valor do bitcoin em 2019 é de US $ 7700.

Duas principais fontes para essa demanda:

1) As tensões tarifárias aumentam a necessidade de execuções mais rápidas para os negócios de importação e exportação;

2) a aprovação inevitável de um ETF bitcoin, provavelmente dentro de doze meses.

13. Kyle Asman, cofundador da BX3 Capital

  • Acredito que o Bitcoin atingirá US $ 24.500 no primeiro dia do ano de 2019.

Quando o Bitcoin ETF ganhar aprovação no final do ano, o Bitcoin deve ficar em torno de US $ 7.000 e verá um aumento de cerca de 350%, como aconteceu com a aprovação, lá trás. do ETF do ouro ETF.

O preço do Bitcoin continuará a subir ao longo de 2019.

14. Sam Olmsted, consultor da Pelicoin:

  • No início de 2019, o bitcoin deve ficar acima de US $ 10.000 por moeda.

À medida que os mercados monetários globais, como o da Venezuela, vêem a hiperinflação, a confiança no Bitcoin e outras criptomoedas irão aumentar e aumentar os preços.

15. David Hanson, co-CEO da plataforma de distribuição de jogos Ultra

  • Acredito que o Bitcoin terá uma leve recuperação dos preços, subindo para US $ 8.500 em janeiro de 2019.

Após a rejeição da SEC ao Winklevoss ETF no mês passado, o preço da bitcoin e de outras criptomoedas caiu.

Os efeitos disso não serão duradouros.

Da mesma forma, acredito que a SEC rejeitará todos os ETFs pelo resto do ano, mas isso não causará a queda do preço do bitcoin.

De fato, será benéfico para os investidores e os encorajaram a voltar aos fundamentos e a longo prazo, ao contrário de especular no curto prazo.

Depois de chegar a US $ 5.400, o Bitcoin lateralizará por alguns meses, antes de se recuperar lentamente e voltar para US $ 8.500,

16. Danny Scott, CEO e Co-Fundador da CoinCorner:

Danny Scott, CEO e Co-Fundador da CoinCorner:
Danny Scott, CEO e Co-Fundador da CoinCorner:

Com base em nossos dados existentes combinados com as tendências do setor, prevemos que o preço do Bitcoin irá subir para o entorno de:

  • US $ 15.000 valerá o Bitcoin até 1º de janeiro de 2019.

A medida que a indústria cresce a uma taxa saudável com o mercado de varejo desenvolvendo um novo interesse constante e considerável de indivíduos e instituições de alta renda líquida sendo registrados pelo bitcoin.

Bônus:

a) Sonny Singh, Diretor comercial da Bitpay.

  • US $ 20.000 até o final de 2019.

Sonny Singh, diretor comercial da Bitpay, uma empresa de processamento de pagamentos Bitcoin, crava US $ 20.000 é um preço razoável para Bitcoin até o final de 2019.

Singh prevê que o Bitcoin suba para US $ 20K e nunca cairá abaixo de US $ 15.000 depois disso.

Ele acredita que a nova hype será impulsionada pelo lançamento de produtos institucionais como Fidelity, Bakkt, Square e BlackRock.

Singh disse em uma entrevista à Bloomberg em novembro de 2018: “No ano que vem, novos players e mineradores vão surgir na indústria. Não teremos mudanças rápidas, mas até o final do primeiro ou segundo trimestre, Bitcoin surgirá como a commodity viável”.

b) John McAfee: McAfee antivírus:

John McAfee bitcoin 1 milhao
John McAfee bitcoin 1 milhao

  • US $ 170.000

A maioria de vocês sabe da (famosa) predição do preço do Bitcoin de John McAfee, que disse que “irá engolir seu pau, em TV aberta” se o BTC não atingir US $ 1 milhão até o final de 2020.

McAfee não deu um preço alvo para 2019 (ainda), mas com base em sua previsão de 2020, o Bitcoin precisa estar acima de US $ 170.000 em 31 de dezembro de 2019, a caminho de atingir a marca de US $ 1 milhão um ano depois.

O Bitcoin precisa crescer a uma taxa de 0,484095526% por dia para atingir US $ 1 milhão.

O que está acontecendo com o Bitcoin no Brasil – Notícias:

Aqui no Brasil, as nossas próprias Braeking News agitam o mercado doméstico.

É difícil alguma posição interna, do nosso país, mudar drasticamente os rumos da moeda digital a nível mundial.

Por isso, focamos nosso texto em fatos mundiais.

Para ser elencado aqui, no rol das Breaking News, o fato deve ter interpretação em escala macro.

Mas não nos esquecemos da nossa casa. Como é a visão do Bitcoin e outras moedas digitais aqui dentro do Brasil?

Elenquei alguma das últimas manchetes mais importantes para a moeda nos últimos meses, exponho-as a baixo rapidamente:

noticia exame bitcoin - O que está acontecendo com o Bitcoin?

noticia exame bitcoin - O que está acontecendo com o Bitcoin?

noticia exame bitcoin - O que está acontecendo com o Bitcoin?noticia exame bitcoin - O que está acontecendo com o Bitcoin?

noticia exame bitcoin - O que está acontecendo com o Bitcoin?

Fontes e Bibliografia:

Antanopoulos, Andreas. Mastering Bitcoin: Programming the Open Blockchain;

Casey, Michael J. The Age of Cryptocurrency: How Bitcoin and the Blockchain Are Challenging the Global Economic Order;

Tapscott, Don e Tapscott, Alex. Blockchain Revolution;

Ulrich, Fernando. Bitcoin: A moeda na era digital;

Swan, Melanie. Blockchain: Blueprint for a New Economy;

Popper, Nathaniel. Digital Gold: Bitcoin and the Inside Story of the Misfits and Millionaires Trying to Reinvent Money;

https://news.bitcoin.com/

https://www.bitcoinnews.com.br/

https://cryptopanic.com/

https://www.itpro.co.uk/strategy/28261/bitcoin-news/page/0/1

https://radarbtc.com.br/

https://exame.abril.com.br/Notícia Infomoney, preço do Bitcoin dispara e se aproxima de topo históricocias-sobre/bitcoin/

https://guiadobitcoin.com.br/categoria/noticias/